Seguidores

quarta-feira, 4 de abril de 2012

Tree of Self Insight

"Tree of Self Insight" (Paulo Zerbato/10)


Acordado do sonho, é a manhã que se impõe com o jugo da vida que a noite gerou. Sequestrado, sou transportado na leveza do meu ser para o mundo distante que me viu crescer. Sinto aquele aroma que me chega das pétalas brancas que do vermelho desejo me inspiram. Na erva cresço, em verdes esperanças, que se abrem ao orvalho que meu corpo sua. Aquele raio de luz, atravessando as copas elevadas, esmaga a amargura no coração que não se consome. E a brisa, que tudo amacia, é para mim um turbilhão que me eleva e agita como aquela folha dourada que morta caiu no chão mas em paz sempre fica. Não quero acordar nem para o sonho nem para a vida; quero sempre ali estar sentindo o meu sangue correr na seiva das árvores que não podem morrer. * Arte digital: Tree of Self Insight, de Paulo Zerbato * (CC)

JOSÉ MARIA ALMEDIA, in "AMO UM ANJO" (Ed. de Autor, 2011) [ACORDADO DO SONHO]

Texto extraído do blog: Citador
postado por Ines Almeida Ferreira  

Um comentário:

Related Posts with Thumbnails