Seguidores

sábado, 12 de junho de 2010

Ir além de ideias enraizadas, de conceitos e opiniões pré-estabelecidos


"Roots"
(Paulo Zerbato) - Mixed Media - 2010



enraízo enraízas enraíza enraizamos enraizais enraízam
enraizava enraizavas enraizava enraizávamos enraizáveis enraizavam
enraizei enraizaste enraizou enraizamos enraizastes enraizaram
enraizara enraizaras enraizara enraizáramos enraizáreis enraizaram
enraizarei enraizarás enraizará enraizaremos enraizareis enraizarão
enraizaria enraizarias enraizaria enraizaríamos enraizaríeis enraizariam
enraíze enraízes enraíze enraizemos enraizeis enraízem
enraizasse enraizasses enraizasse enraizássemos enraizásseis enraizassem
enraizar enraizares enraizar enraizarmos enraizardes enraizarem
enraizar enraizares enraizar enraizarmos enraizardes enraizarem
tenho enraizado tens enraizado tem enraizado temos enraizado tendes enraizado têm enraizado
tinha enraizado tinhas enraizado tinha enraizado tínhamos enraizado tínheis enraizado tinham enraizado
terei enraizado terás enraizado terá enraizado teremos enraizado tereis enraizado terão enraizado
teria enraizado terias enraizado teria enraizado teríamos enraizado teríeis enraizado teriam enraizado
tenha enraizado tenhas enraizado tenha enraizado tenhamos enraizado tenhais enraizado tenham enraizado
tivesse enraizado tivesses enraizado tivesse enraizado tivéssemos enraizado tivésseis enraizado tivessem enraizado
tiver enraizado tiveres enraizado tiver enraizado tivermos enraizado tiverdes enraizado tiverem enraizado
ter enraizado teres enraizado ter enraizado termos enraizado terdes enraizado terem enraizado
enraíza enraíze enraizemos enraizai enraízem IDEIAS, HÁBITOS, CRENÇAS, COSTUMES, OPINIÕES, ...



"Raízes"
(Paulo Zerbato) - Mixed Media - 2010


Pré-estabelecidos - pré-conceitos - preconcebido - enraizadas - tradições - desconhecimento pejorativo -
generalização superficial - superficialidade - não conhecimento - empatia - arraigado - crônico - habitual - inveterado - entranhado - estabelecer-se em algum lugar - com o ânimo de permanecer - etc...




"Roots"
(Paulo Zerbato) - Mixed Media - 2010




Os jovens se decepcionam e se desiludem quando descobrem que o que lhes foi ensinado e lhes foi exigido oculta a realidade, reprime sua liberdade, diminui sua capacidade de compreensão e de ação. Os adultos se desiludem ou se decepcionam quando enfrentam situações para as quais o saber adquirido, as opiniões estabelecidas e as crenças enraizadas em suas consciências não são suficientes para que compreendam o que se passa nem para que possam agir ou fazer alguma coisa.

(Marilena Chauí)




"Esculturas da Natureza"
(Paulo Zerbato) - Mixed Media - 2010



"A vida não admite transições rápidas. A mudança se faz lentamente; levamos anos para modificar-nos mentalmente, mas, se criarmos idéias positivas, se formos todos os dias, lentamente, batendo, repetindo, vamos gravando até que fique completamente fixa no consciente (e a razão de Coué aconselhar que se repita continuamente uma frase, é porque à força de repeti-la a vamos gravando no consciente, lentamente), até que um dia o consciente fique cheio de idéias positivas.
Contudo, a dificuldade que tenho encontrado reside nas velhas idéias enraizadas. Cada um de nós tem velhas idéias, velhas crenças que nos foram doadas desde crianças e das quais não temos força nem coragem para nos livrar. Por exemplo: um velho fazendeiro dispõe em sua fazenda de velhíssima mata e quer derrubá-la para semear trigo. Quando vai derrubar a mata para fazer a sementeira, aparece-lhe o filho e diz: "Olhe, aquela árvore; não a corte, papai; é tão bonita; à sua sombra, eu brincava sempre". Chega outro filho e diz: "Aquela trepadeira é tão bonita; não deve cortá-la". "Aquela árvore tem um passado vivo; respeite aquela árvore". Assim, o fazendeiro corta aqui um pouco, ali outro pouco, além mais um pouco, e no fim irá plantar à sombra daquela árvore, para não a prejudicar e terminará não tendo colheita. Agora chega outro lavrador e diz:
• "Derrube tudo".
• "Mas aquela árvore tem um passado", respondem-lhe.
• "Derrube-a com passado e tudo", retruca ele.
• "Eu brincava à sombra daquela outra árvore; derrubando-a perde-se a sombra", obtemperam-lhe.
• "Derrube também aquela árvore", prossegue ele; "preciso semear e colher trigo".
Assim temos que fazer. Rompermos com velhas religiões, com velhos preconceitos, com velhos hábitos, para criar e manter hábitos novos. Não é rapidamente que se faz tal modificação; é lentamente, é através de um esforço contínuo que nós o conseguimos."



6 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Pablo, tuve que eliminar mi comentario porque salio mal traducido, espero que esta ves salga bien.
    Pablo hermosas tus obras y una belleza tus letras, hay veces que tenemos que romper con esas raices que nos estancan y hacen de nuestras vidas pura rurina pero hay raices que se llevan grabadas en el alma y esas jamás podrán ser arracandas, siempre es un placer enorme visitarte.
    besitos para ti Amigo

    ResponderExcluir
  3. Maravilloso, la primera imagen me recuerda a Frida... hermoso!

    ResponderExcluir
  4. Muito obrigado Penélope, pelo comentário e a apreciada referência sobre Frida!

    ResponderExcluir
  5. Aprecio analogias. Penso ser bastante didático. Abandonar velhas tendências em busca de evolução. Dogmas travam os pensamentos, acorrentan-nos. Achei interessante também o mencionado sobre a repetição, o otimismo e mantendo esses pensamentos de maior hierarquia faremos com que gravitem ou permaneçam em nossa mente. Tenho enorme preocupação com evolução, revisão de conceito e formação de uma nova individualidade. Obrigada. É uma oportunidade única estar com contato com pensamentos dessa natureza. Um abraço e bom dia!

    ResponderExcluir
  6. correção em meu texto: acorrentam-nos

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails